Dólar Comercial
CUIABÁ
  ÚLTIMAS NOTÍCIAS

FOLHAJUS

Polícia recebe aparelhos de ar-condicionado doados pelo MP de Água Boa

Publicados

FOLHAJUS

A Polícia Civil do município de Água Boa recebeu na quinta-feira (19.05), mais sete aparelhos de ar-condicionado doados pelo Ministério Público Estadual, após parceria entre as instituições da Comarca local.

Os equipamentos foram entregues pelo promotor de Justiça, Luis Alexandre Lentisco, à Delegacia de Polícia de Água Boa, ocasião em que o delegado Fabrício Pagan junto com os policiais civis receberam os produtos.

A aquisição obtida pela Delegacia de Água Boa, ocorreu por meio de acordos e mediante concordância do juiz da 3ª da Vara Criminal da Comarca de Água Boa, Jean Louis Maia Dias, autorizando as forças de segurança pública receberem reforço para infraestruturas.

Durante o ato de doação, o delegado Fabrício Pagan, agradeceu em nome da equipe o apoio e parceria com o Ministério Público. “Estamos gratos pelos refrigerados que serão bem utilizados na climatização do nosso ambiente de trabalho”, agradeceu ele.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  TSE aprova quatro resoluções com regras para as Eleições 2022
Propaganda

FOLHAJUS

Justiça concede isenção do imposto de renda a José Riva

Publicados

em

O juiz da 4ª Vara Especializada de Fazenda Pública de Cuiabá, magistrado Gerardo Humberto Alves da Silva Júnior, acolheu a manifestação de José Riva e concedeu a isenção do imposto de renda sobre a aposentadoria do ex-deputado.

A decisão foi divulgada no Diário de Justiça desta quinta-feira (30) e aponta também que os valores que foram cobrados via imposto de renda desde 2015 deverão ser devolvidos ao ex-parlamentar.

Conforme divulgado pela reportagem, Riva entrou na Justiça para que a cobrança fosse suspensa pelo fato de ter tido neoplasia maligna, que é um tipo de câncer de tireóide. A justificativa dada foi a de que a doença se enquadrava no rol que garantia a isenção do imposto.

Laudo médico emitido em maio deste ano chegou a apontar que Riva não teria mais a doença. Contudo, o ex-deputado contestou o resultado sob a justificativa de que sua condição não tem cura e que realiza consultas com o oncologista até os dias de hoje.

Ao avaliar o pedido, o juiz acatou a argumentação de Riva e concedeu o desconto da cobrança. Além disso, o magistrado também determinou que seja devolvido o dinheiro descontado desde o ano de 2015.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Diego Alves "se pagou", conquistou o respeito de Ceni e fez sua aparição no Flamengo
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA