Dólar Comercial
CUIABÁ
  ÚLTIMAS NOTÍCIAS

MATO GROSSO

Idoso morre em grave acidente na BR-163 entre veículo e carreta

Publicados

MATO GROSSO

Delson Ferreira Bonfim, 60 anos, morreu na manhã de domingo (15), após bater o veículo Chevrolet Prisma, que conduzia, contra um caminhão e uma carreta na BR-163, no município de Nova Mutum (264 km de Cuiabá). A esposa dele, Lindinalva dias Bonfim ficou ferida e foi encaminhada ao hospital.

O acidente foi registrado por volta das 10h50, no km 622 da rodovia.

Segundo relatos de testemunhas, o motorista teria tentado realizar uma ultrapassagem quando se deparou com um caminhão vindo no sentido oposto. Para evitar a batida frontal, ele tentou retornar para a faixa de domínio, mas foi atingido pela carreta que vinha logo atrás.

Com o impacto, o Prisma rodou na pista e foi atingido também, pelo caminhão. O veículo foi arremessado para fora da rodovia e ficou completamente destruído.

Delson morreu preso às ferragens do carro. Já a esposa dele, foi socorrida com vida por uma equipe de resgate da Rota do Oeste e encaminhada ao Hospital Regional. O atual estado de saúde dela não foi divulgado.

Leia Também:  Enfermeira da Santa Casa é presa por furtar testes de covid; médico também será investigado

Os motoristas dos veículos de carga, por sua vez, saíram ilesos ao acidente. A Perícia Oficial e Identificação Técnica esteve no local do acidente juntamente com a Polícia Rodoviária Federal.

O corpo do motorista, foi encaminhado ao Instituto Médico Legal, onde passará por exames de necropsia.

Por conta do acidente, a pista ficou interditada nos dois sentidos por algumas horas, para trabalho de resgate e perícia. Por volta das 16h, o fluxo foi totalmente liberado na região.

As circunstâncias da batida devem ser apuradas.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

MATO GROSSO

Servidora da ALMT morre com suspeita de dengue hemorrágica

Publicados

em

Eliana atuava na Secretaria Geral da Assembleia, ela era responsável por cuidar das publicações dos diários oficiais.

Segundo o presidente da Casa, deputado Eduardo Monteiro (União Brasil), Eliane era conhecida como Lili na Assembleia Legislativa e destacou que a servidora era competente em sua atuação profissional. “Eliane era muito muito dedicada, a jovem deixa um importante legado, familiares e muitos amigos. Rogo a Deus que conforte seus familiares e amigos nesse momento de profunda dor”, afirmou.

Eliana era formada em gestão de pessoas e atuou por 22 anos na Assembleia Legislativa. A família da servidora mora em Tabaporã, a 634 km de Cuiabá.

A Prefeitura de Tabaporã emitiu nota de pesar pelo falecimento de Eliana e manifestou solidariedade a tradicional família Torres.

O Sindal (Sindicato dos Servidores da Assembleia Legislativa) também emitiu nota em que lamentou o falecimento da servidora, vítima de dengue hemorrágica, segundo o sindicato.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Estado lança obra de construção de nova ETA de R$ 28 milhões em Várzea Grande nesta quinta-feira
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA