Dólar Comercial
CUIABÁ
  ÚLTIMAS NOTÍCIAS

POLÍCIA

Homem é achado degolado no interior do estado

Publicados

POLÍCIA

Corpo de Antônio Benedito da Silva Freire, 34, foi encontrado jogado em uma estrada vicinal, na zona rural de Tangará da Serra (239 km ao médio-norte de Cuiabá), nas primeiras horas da manhã desta sexta-feira (11), vítima estava degolada. Carro do rapaz foi encontrado abandonado horas depois em um bairro da cidade. O caso é investigado.

 

De acordo com as informações, polícia foi acionada por volta das 5h quando populares encontraram um corpo no meio da estrada que dá acesso á Pedreira Tangará. Quando a equipe chegou, confirmou que se tratava de uma vítima do sexo masculino que tinha um corte profundo no pescoço.

 

Cena do crime foi isolada e as equipes da Polícia Civil e Perícia Oficial acionadas para o caso. Lá, descobriram que a vítima estava com o crachá de uma empresa, sendo identificado em seguida como Antônio Freire. Além do corte no pescoço, ele também tinha diversas lesões no rosto.

Investigação

Peritos acreditam que a vítima sofreu tortura antes de ser morta, isso se deve a quantidade de hematomas que tinha em seu rosto. Além disso, há sinais de cortes na região dorsal do corpo.

Leia Também:  Escrivão da Polícia Civil é preso por desviar drogas e celulares apreendidos em delegacia

 

Antônio era motorista de uma empresa e durante a investigação, foi descoberta uma denúncia anônima no 190 informando sobre um possível sequestro com luta corporal, onde a vítima estava em um veículo Fox preto no bairro Vila Esmeralda.

 

Trata-se do carro de Antônio. O veículo foi encontrado abandonado horas depois em uma estrada de chão, no mesmo bairro, com marcas de sangue no seu interior. Documentos da vítima e da empresa em que ela trabalhava também foram encontrados no carro.

 

Perícia foi acionada e o carro encaminhado para o Ciretran da cidade. Caso está em investigação e ainda não há motivação e nem suspeitos do crime.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLÍCIA

Forças de segurança cumprem mandados contra integrantes de facções criminosas que agem em MT

Publicados

em

A Força-Tarefa da Segurança Pública de Mato Grosso (FTSP/MT), composta pela Polícia Federal, Polícia Civil, Polícia Rodoviária Federal e Polícia Militar, deflagrou na manhã desta quinta-feira (18), a “Operação Dissidência”, com o objetivo de desarticular criminosos envolvidos em crimes de homicídios, tortura e tráfico de drogas.

Ao todo são 22 mandados de prisão preventiva, 3 prisão temporária e 36 busca e apreensão nos estados de Mato Grosso e Rio de Janeiro. A ação foi realizada pela Polícia Federal, Polícia Civil, Polícia Rodoviária Federal e Polícia Militar.

Durante as investigações da Força-Tarefa foi identificado que na região centro-norte do estado de Mato Grosso estaria ocorrendo uma guerra entre uma facção criminosa e sua dissidência pelo controle na venda de drogas, principalmente, no município de Sorriso, o que provocou um aumento exponencial em homicídios no município.

A Força-Tarefa instaurou um inquérito policial para apurar os fatos e, com um complexo trabalho de investigação e de inteligência, as equipes identificaram os líderes das facções na região, inclusive, de dentro do sistema penitenciário, bem como outros integrantes responsáveis por promover homicídios, torturas, tráfico de drogas, entre outros crimes graves.

Leia Também:  Carreta esmaga cabeça de menino após cair de bicicleta em rodovia de MT

Também foi possível identificar uma mulher de 30 anos como uma das líderes do grupo criminoso, que residiria no estado do Rio de Janeiro e transitava com frequência entre os municípios do Rio de Janeiro e Macaé, locais onde possuía residência.

Cumprimentos de mandados Foram cumpridos mandados expedidos pela 1ª Vara Criminal da Comarca de Sorriso/MT nos municípios de Cuiabá/MT, Várzea Grande/MT, Sinop/MT, Sorriso/MT, Marcelândia/MT, Peixoto de Azevedo/MT, Terra Nova do Norte/MT, Tangará da Serra/MT, Guarantã do Norte/MT, Rio de Janeiro/RJ e Macaé/RJ Também foram cumpridos mandados de prisão na Penitenciária Dr. Osvaldo Florentino Leite Ferreira, em Sinop; na Penitenciária Central do Estado e na Penitenciária Feminina Ana Maria do Couto May, ambas em Cuiabá e na Cadeia Pública de Peixoto de Azevedo, em desfavor de criminosos que já se encontravam presos.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA