Dólar Comercial
CUIABÁ
  ÚLTIMAS NOTÍCIAS

POLÍCIA

Polícia prende autor de homicídio em Aripuanã; vitima teve o crânio esmagado

Publicados

POLÍCIA

O autor do homicídio ocorrido em Aripuanã (1.002 km a noroeste de Cuiabá) foi preso em flagrante pela Polícia Civil, na quinta-feira (19.05), menos de seis horas após o crime. O suspeito confessou o crime e disse que o homicídio foi motivado pela vítima ter furtado seus pertences.

O corpo da vítima, Diego Costa Santos, de 30 anos, foi localizado em um barracão nos fundos de um posto, com o rosto desfigurado e o crânio esmagado. Ao lado do corpo havia uma lajota de concreta suja de sangue, possivelmente utilizada para golpear a vítima.

Assim que foi acionada dos fatos, a equipe da Polícia Civil iniciou as investigações conseguindo colher as informações sobre as características físicas do suspeito e conseguindo localizá-lo no bairro Vila Operária, poucas horas após o fato.

Questionado, o suspeito confessou o crime e disse que a motivação seria o fato de ter alguns pertences subtraídos pela vítima. Diante dos fatos, o suspeito foi conduzido à Delegacia de Aripuanã, onde após ser interrogado pelo delegado Flávio Leonardo Santana da Silva foi autuado em flagrante pelo crime.

Leia Também:  Caminhão que carregava fertilizando roubados tomba sete suspeitos são detidos

Segundo o delegado, as diligências para apurar os fatos continuam, uma vez que há a possibilidade de ter mais uma pessoa envolvida no crime. “Graças ao empenho e dedicação da equipe, o crime foi esclarecido com a identificação da autoria e prisão do suspeito menos de seis horas após o crime”, destacou o delegado.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLÍCIA

Vídeo mostra Paccola saindo de carro e confusão antes de morte de agente socioeducativo

Publicados

em

Vídeo de uma câmera de segurança próximo de onde ocorreu a morte do agente socioeducativo Alexandre Miyagawa de Barros, 41, mostra um carro branco, em alta velocidade, invadindo a contramão pouco antes da morte de Alexandre pelo vereador Marcos Paccola. O fato ocorreu às 18h50.

As imagens mostram uma grande movimentação de pessoas indo em direção ao local, onde a condutora do veículo teria cometido um acidente. Pouco depois, aparece uma SUV preta do vereador. O vereador desce, observa a movimentação e caminha calmamente em direção ao local.

A sequência das imagens, apesar da baixa qualidade, mostra uma discussão ao fundo, mas não é possível ver o momento do tiro.

Em nota, o parlamentar lamentou a morte do policial penal, mas que agiu para neutralizar a ameaça em legítima defesa própria e de terceiros.

“A perda de uma vida é sempre irreparável, porém o dever de servir e proteger está acima de qualquer situação, o treinamento do Tenente Coronel Paccola permitiu que os danos aos presentes e a sociedade fossem minimizados e que todas as demais vidas fossem preservadas”, afirma.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Homem é achado degolado no interior do estado
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA